PONTO DO BEM

PONTO DO BEM

Bairro Nova Esperança - PETROLÂNDIA -PE

Bairro Nova Esperança - PETROLÂNDIA -PE
AURINÉZIO CONSTRUÇÕES

Avenida Auspício Valgueiro Barros - Petrolândia - PE

Avenida Auspício Valgueiro Barros - Petrolândia - PE
M&S CRIAÇÕES - CLICK NA IMAGEM

PENSAMENTOS QUE ENOBRECEM

PENSAMENTOS QUE ENOBRECEM
PENSAMENTO 02

Avenida Auspício Valgueiro Barros - Petrolândia - PE

Avenida Auspício Valgueiro Barros - Petrolândia - PE
FRANCK ELETRO - Click na imagem e veja nossas ofertas

quarta-feira, 2 de setembro de 2020

Banco Central apresenta nova cédula de R$ 200


Foto: Reprodução

A imagem da nova cédula de R$ 200, que começa a circular hoje (2), em todo país, está sendo apresentada em cerimônia transmitida pelo canal do Banco Central (BC) no YouTube. A nota, que é a sétima da família do Real, homenageia o lobo-guará. Participa do evento a diretora de Administração do BC, Carolina de Assis Barros.

A nova nota de R$ 200 entrou oficialmente em circulação nesta quarta.Serão produzidas 450 milhões de unidades até o fim do ano, o equivalente a R$ 90 bilhões.

Em 2001, o BC fez uma enquete com a população com uma lista de animais em extinção para que elas escolhessem qual elas gostariam de ver estampados nas cédulas. Em primeiro lugar ficou a tartaruga-marinha, que está na nota de R$ 2, em segundo, o mico-leão dourado, que foi para a de R$ 20, e em terceiro lugar ficou o lobo-guará, que agora estampará a nota R$ 200.


Foto: Reprodução

Segundo o BC, o lançamento da nova nota tem o objetivo de atender maior demanda por papel-moeda com o pagamento do auxílio emergencial. Além disso, com a pandemia do novo coronavírus, aumentou o entesouramento (o dinheiro fica parado na mão das pessoas).

O BC já estudava criar a cédula e, mesmo após a normalização da demanda, não pretende tirar o novo valor de face e circulação.

A autoridade monetária gastará R$ 113,8 milhões a mais do que o previsto no orçamento anual para a produção das novas notas e para a impressão de mais 170 milhões de cédulas de R$ 100.

O CMN (Conselho Monetário Nacional) aprovou, em 29 de julho, o lançamento da cédula de R$ 200. Na ocasião, o BC explicou que a medida não tem efeito inflacionário. Segundo a autarquia, não há relação direta da expansão da base monetária com a aceleração na alta dos preços.

Em pesquisa realizada em 2018, 60% da população alegou utilizar dinheiro físico como principal meio de pagamento (57% entre lojistas). Desde 2002, com o lançamento da nota de R$ 20, o BC não havia colocado novos valores de face de cédulas em circulação.


Lobo-guará

Escolhido para estampar a nota, em pesquisa realizada em 2001, o lobo-guará está na categoria vulnerável em relação à elevada ameaça de extinção. Segundo os biólogos, o animal precisa ser reconhecido, cada vez mais, pelos benefícios que pode trazer para o setor produtivo rural, valor ainda pouco contabilizado. 

Projetos colocados em prática com o lobo-guará mostram que é possível a convivência adequada entre preservação e agroindústria. Conscientização e ações equilibradas fazem bem para as plantações, para o animal a para os negócios.


Por: FolhaPress
Fonte: Diário de Pernambuco
Blog SNP, 02/09/2020

Nenhum comentário:

Postar um comentário