NO BAIRRO NOVA ESPERANÇA

NO BAIRRO NOVA ESPERANÇA
PETROLÂNDIA - PE

Bairro Nova Esperança - PETROLÂNDIA -PE

Bairro Nova Esperança - PETROLÂNDIA -PE
AURINÉZIO CONSTRUÇÕES

Avenida Auspício Valgueiro Barros - Petrolândia - PE

Avenida Auspício Valgueiro Barros - Petrolândia - PE
FRANCK ELETRO - Click na imagem e veja nossas ofertas

quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Petrolândia - PE: Vereador Said Sousa alega que volume de dinheiro apresentado em vídeo era fictício, e o mesmo poderá ser incriminado por prática do crime de moeda falsa, diz Nota do MPPE




O MPPE - Ministério Público do Estado de Pernambuco, através da Promotoria de Justiça de Petrolândia, emitiu uma Nota nesta quinta-feira (07/01), a respeito do procedimento de notícia de fato, para apurar informações detalhadas sobre as declarações divulgadas em vídeo pelo vereador Said Sousa (PODEMOS). 

Na nota o promotor Felipe Coutinho, expressa que após investigações e ouvir a versão do vereador, a respeito do vídeo ondem o mesmo alega ter recebido uma suposta quantia de dinheiro de corrupção, o mesmo declarou perante a promotoria que o dinheiro era fictício, e que teria fabricado num lan house, e o mesmo poderá ser incriminado por crime de moeda falsa.


MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO PROMOTORIA DE JUSTIÇA DE PETROLÂNDIA


NOTA


A Promotoria de Justiça de Petrolândia, informa que, no dia 07 de janeiro de 2021, foi instaurado Procedimento Investigatório Criminal (PIC) para apurar a conduta do Vereador Said Souza, relacionada ao suposto recebimento e guarda de valores, sem origem identificada, com possível indicação de captação ilícita de apoio político.

Após notificação ministerial, o Vereador Said Souza afirmou não ter recebido qualquer valor de terceiros, e que o vídeo foi gravado com intuito informativo. Sobre o expressivo valor em dinheiro, afirmou o Vereador que “as cédulas apresentadas em vídeo eram fictícias”.

Pois bem.

Independente de análise técnica, observa-se que as notas apresentadas pelo Vereador Said Souza aparentam ser verdadeiras, seja pelo tamanho, cor e demais características.

Requerida busca e apreensão na residência do Investigado, após decisão judicial favorável, o mandado foi cumprido pela Polícia Civil, que não localizou o montante em dinheiro, sejam de moedas verdadeiras ou falsas. Na oportunidade, informou o Investigado ter confeccionado as notas numa lan house.

Nesse cenário, imprescindível a tomada de providências, com a instauração de procedimento próprio, para investigação dos fatos apresentados no vídeo, seja em elação a suposta captação ilícita de apoio político, com oferecimento de vantagem indevida, ou, lado outro, referente a suposta prática do crime de moeda falsa, pela fabricação de cédulas não autêntica.


Petrolândia, 07 de janeiro de 2021.

Filipe Coutinho Lima Britto

Promotor de Justiça


 



Via Blog Petrolândia Notícias
07/01/2021





Nenhum comentário:

Postar um comentário