PAULINELLY CHALÉS

PAULINELLY CHALÉS
CLICK NA IMAGEM E VEJA DETALHES

PONTO DO BEM

PONTO DO BEM
PETROLÂNDIA-PE

CLICK NA IMAGEM

CLICK NA IMAGEM
ACESSE .... CONTRIBUA... COMPARTILHE

AURINÉZIO CONSTRUÇÕES

AURINÉZIO CONSTRUÇÕES
BAIRRO NOVA ESPERANÇA, Avenida Padre Cícero, nº 90

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

O Assunto #16: Maconha medicinal - quem é beneficiado e quem pode cultivar no Brasil?

Renata Lo Prete conversa com André Resende, do G1 Paraíba, que visitou a única associação do Brasil que tem autorização para cultivar a planta. O neurologista Eduardo Faveret explica para quais pacientes a maconha medicinal é prescrita.

Por Renata Lo Prete
Do G1
16/09/2019 




A discussão sobre a liberação da maconha para uso medicinal no Brasil divide o governo - Eduardo Bolsonaro se disse a favor, enquanto o ministro Osmar Terra, da Cidadania, é contra. Pelo menos três projetos sobre o tema tramitam no Congresso - um deles conseguiu o apoio de uma dupla inusitada: Carla Zambelli (PSL-SP) e Marcelo Freixo (PSOL-RJ).

Para discutir o assunto, Renata Lo Prete conversa com André Resende, do G1 Paraíba, que visitou a única associação do Brasil que tem autorização para cultivar a planta.

O neurologista Eduardo Faveret, diretor do Centro de Epilepsia do Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer, explica quem são os pacientes beneficiados por medicamentos a base de canabidiol, e em quais casos esses remédios são prescritos.



— Foto: Arte G1
O que são podcasts?

Um podcast é como se fosse um programa de rádio, mas não é: em vez de ter uma hora certa para ir ao ar, pode ser ouvido quando e onde a gente quiser. E em vez de sintonizar numa estação de rádio, a gente acha na internet. De graça.

Dá para escutar num site, numa plataforma de música ou num aplicativo só de podcast no celular, para ir ouvindo quando a gente preferir: no trânsito, lavando louça, na praia, na academia...

Os podcasts podem ser temáticos, contar uma história única, trazer debates ou simplesmente conversas sobre os mais diversos assuntos. É possível ouvir episódios avulsos ou assinar um podcast – de graça - e, assim, ser avisado sempre que um novo episódio for publicado.




Nenhum comentário:

Postar um comentário