PONTO DO BEM

PONTO DO BEM
PETROLÂNDIA-PE

COOPERTALSE - ligue (79) 99863-3435

COOPERTALSE - ligue (79) 99863-3435
CLICK NA IMAGEM E VEJA MAIS DETALHES

sábado, 23 de março de 2019

Britânicos saem às ruas para tentar impedir Brexit

Ato reuniu centenas de milhares de pessoas em Londres

(ANSA) - Centenas de milhares de pessoas saíram às ruas de Londres neste sábado (23,03) para exigir um segundo plebiscito sobre o Brexit, em meio ao impasse que travou o processo de saída do Reino Unido da União Europeia.

Segundo os organizadores da manifestação "People's Vote", o ato reuniu mais de 1 milhão de pessoas, mas o número não foi confirmado por fontes independentes. Em outubro passado, um protesto contra o Brexit já reunira 700 mil cidadãos.

© Reuters

A marcha começou na Park Lane, em pleno centro de Londres, e seguiu até a Praça do Parlamento, em um trajeto de cerca de dois quilômetros. A bandeira azul com estrelas amarelas da União Europeia foi onipresente no protesto.

Ao mesmo tempo, mais de 4,2 milhões de pessoas assinaram uma petição online para exigir a revogação da saída do Reino Unido da UE, marcada, a princípio, para ocorrer em 29 de março de 2019. O governo da primeira-ministra Theresa May, no entanto, alega que convocar um novo plebiscito ou abdicar do Brexit seria um "golpe na democracia" britânica.

Bruxelas aceitou adiar o rompimento para 22 de maio, porém desde que o acordo que já foi rejeitado duas vezes pelo Parlamento do Reino Unido seja aprovado na semana que vem. O presidente da Câmara dos Comuns, John Bercow, por sua vez, só autorizará uma terceira votação se houver mudanças "substanciais" no texto, embora a UE tenha fechado as portas para renegociá-lo.

O principal entrave diz respeito ao "backstop", mecanismo que prevê fronteiras abertas entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda em caso de fracasso em futuras negociações comerciais entre Londres e Bruxelas. (ANSA)


Nenhum comentário:

Postar um comentário