PONTO DO BEM

PONTO DO BEM
PETROLÂNDIA-PE

quinta-feira, 3 de maio de 2018

Incêndio em prédio de SP foi causado por curto-circuito em tomada no 5º andar, diz secretário

Em depoimento, moradora disse que fogo começou em tomada onde estavam ligados TV, micro-ondas e geladeira.

Por César Galvão, TV Globo, São Paulo
03/05/2018 

Vídeo mostra início de incêndio em prédio que desabou em São Paulo

O incêndio que atingiu o edifício Wilton Paes de Almeida e provocou o desabamento do prédio na madrugada de terça-feira (1º) foi causado por um curto-circuito em uma tomada no quinto andar, segundo depoimento de uma sobrevivente à polícia. O Secretário de Segurança Pública, Mágino Alves, confirmou a versão da moradora afirmando que o curto-circuito provocou o incêndio.

A sobrevivente, Walkiria Camargo dos Nascimento, disse em depoimento que o fogo começou na tomada onde estavam ligados três aparelhos eletro-eletrônicos: micro-ondas, geladeira e TV.

"Começou na instalação que nós tinhamos, que lá os fios é tudo emendado", disse Walkiria. "Na tomada era a televisão, a geladeira e o microondas,aí de repente tava aquela fogarão atrás da geladeira." Ela revelou que já tinha tido outro curto-circuito no local um ano atrás. "Já é a segunda vez, a primeira foi bem pequenininha, essa que foi perigosa."

"Foi no quinto andar, onde morava uma família com quatro pessoas. Duas sofreram ferimentos, o pai e uma das filhas", disse Mágino Alves. "Não foi briga de casal. Essa tomada ligava três aparelhos."

Secretário diz que curto-circuito provocou incêndio em prédio no centro de SP

Segundo o relato, na hora do incêndio, por volta de 1h30, todos dormiam. Walkíria contou que ao ver o fogo, ela pegou o bebê de dez meses e desceu para a rua. O marido dela foi salvar a filha de 3 anos e foi atingido pelas chamas. Está com 75% do corpo queimado. A menina está internada na UTI do Hospital das Clínicas.

O depoimento coincide com entrevistas de outros moradores ao longo da semana que afirmaram que o fogo começou no quinto andar.

Um vídeo feito por um jovem que passava em frente ao prédio e exibido pelo Profissão Repórter nesta quarta-feira (2) mostra também o início do fogo no quinto andar. No vídeo, é possível ver alguns moradores fugindo do prédio (veja vídeo no início dessa reportagem).


Filha do arquiteto que projetou o edifício que desabou em SP preparava documentário




Arte mostra o prédio incendiado e as outras construções interditadas por falta de segurança no Centro de SP (Foto: Alexandre Mauro, Wagner M. Paula, Igor Estrella e Roberta Jaworski/G1)


Nenhum comentário:

Postar um comentário