quarta-feira, 18 de abril de 2018

Jucá: pedido de impeachment de Temer 'perturba ambiente político'

Randolfe fez uma denúncia contra o presidente por crime de responsabilidade esta quarta-feira (18.04)

POR ESTADÃO
Por Notícias ao Minuto 

Divulgação / Palácio do Planalto

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (MDB-RR), afirmou que o novo pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer é um "factoide". Ele disse que o autor da denúncia por crime de responsabilidade, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), "deveria ter mais o que fazer". "Ele fica entrando com factoides que não levam a nada e só perturbam o ambiente político do País", criticou Jucá.

Uma das justificativas apresentadas por Randolfe é a reforma realizada na casa de uma das filhas do presidente, Maristela, que teria sido paga em dinheiro vivo pela mulher do coronel João Baptista Lima Filho, amigo do emedebista. A Polícia Federal investiga se a obra foi bancada com dinheiro de propina da JBS. Lima Filho foi preso por três dias no final de março, alvo da operação Skala, e sua esposa foi intimada a depor.

Para Randolfe, Temer mentiu explicitamente ao negar, em depoimentos anteriores à Justiça, que tenha utilizado recursos de caixa 2 em sua campanha a vice-presidente, em 2014, e que tenha feito qualquer transação comercial com o coronel Lima Filho.

Após a apresentação da denúncia, cabe ao presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), decidir se recebe ou não o pedido. Se for aceito, tem início o andamento da denúncia em uma comissão especial. Depois ainda tem que passar pelos plenários da Câmara e do Senado. Com informações do Estadão Conteúdo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário