quarta-feira, 12 de julho de 2017

Arquivos das Minhas Lembranças- poeta Hilton Filho


Arquivos das Minhas Lembranças

Se Deus me desse algum dom
De interpretar certos mistérios
Semeava com alegria todo tom
Curvando minha alma sem critérios.

Sentimentos de minha enfermidade
Espinhos protegendo uma linda flor
Ferindo o coração sem nenhum pudor.

Assim, vou voando sem bater asa
Nas muitas lembranças que fascina
Conduzindo o passado feito brasa
Retratando afeição d’uma messalina.

Insólitos e indecifráveis sentimentos
Abafado entre o céu e o inferno
Chateado com o falho pensamento
Anotado e imortalizado num caderno.

O relógio do tempo parou de repente
Memórias entre (parêntese) e a reticência... 
Ostentei sorriso de minha adolescência
Daquele arquivo reservado na mente.


Hilton Filho
Artesão das letras, Poeta com as mãos.



Poeta Hilton Filho 

Nenhum comentário:

Postar um comentário