domingo, 22 de janeiro de 2017

Rebelião em presídio no Agreste de PE deixa 13 feridos e um morto


Motim foi iniciado na manhã deste sábado (21) e controlado, conforme a PM.
Parentes dos detentos fecharam PE-160 em Santa Cruz do Capibaribe.


Rebelião aconteceu na manhã do sábado
Foto: Ney Lima/Avant/Mídia 
Detentos iniciaram uma rebelião na manhã deste sábado (21) no presídio de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco. A informação foi confirmada pela Polícia Militar. Treze presos ficaram feridos e um morreu, de acordo com a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres). Quatro presos foram baleados, conforme o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Três presos conseguiram fugir, segundo a assessoria da Seres. Uma sindicância será aberta pelo governo do estado para investigar o caso.

Parentes de dententos bloquearam PE-160 (Foto: Ney Lima/Avant Midia)
A polícia ainda não sabe informar a causa da rebelião e disse que o motim já foi controlado. Parentes de presos fecharam parte da PE-160 em protesto. Os familiares estão na frente da unidade prisional aguardando informações sobre os detentos.
O presídio estava com 447 presos e a capacidade é para 186, segundo o Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário (Sindasp).



Três agentes penitenciários estavam de plantão e a rebelião aconteceu no pavilhão, conforme o presidente do Sindasp, João Carvalho.

Inaugurado em 2015

O presídio foi inaugurado em 10 de julho de 2015. A unidade conta com 22 celas com capacidade total para acolher 186 reeducandos. O presídio fica no quilômetro 14 da PE-60 e ocupa uma área de 8.000m², sendo 1.473m² de área construída.

Policial militar ficou ferido durante rebelião no Agreste de PE (Foto: Ney Lima/Avant Midia)

Presos foram atendidas pelo Samu após rebelião em presídio (Foto: Ney Lima/Avant Midia)



Do G1 Caruaru

Nenhum comentário:

Postar um comentário