PONTO DO BEM

PONTO DO BEM
PETROLÂNDIA-PE

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

LEI SECA EM PETROLÂNDIA-PE: A Equipe da Lei Seca, a PRF, Detran, com o apoio da Guarda Municipal de Petrolândia realizam Operação com blits na BR 316


 Foto: Alexandre Matias

Foto: Alexandre Matias

Foto: Alexandre Matias

Na tarde de hoje (16.01), por volta das 15h30min, foi dado início ao 1º Dia de uma Operação, comandada pela equipe da Lei Seca, na BR 316, no Município de Petrolândia-PE, no Sertão de Itaparica, que ocorreu em dois pontos estratégicos, próximo a ponte que dá acesso a cidade, e na entrada da mesma, e se seguiu até as 19h, e contou com as parcerias das Polícias: PRF (Polícia Rodoviária Federal), Polícia Militar (lei Seca), Detran de Pernambuco, e o apoio da Secretaria de Segurança Cidadã, através da Guarda Municipal de Petrolândia-PE.

Foram abordados vários condutores, de carros e motos, para ser verificada de que forma os mesmos estava conduzindo os seus veículos, orientando-os, analisando documentos dos veículos e de condutores, além de realizar o teste do bafómetro, tomando sempre as medidas cabíveis a cada caso, e assim atuando com o principal objetivo da operação: "Diminuir os números de acidentes causados por condutores alcoolizados", os quais cometem infrações, e causas acidentes que além de causar gastos com o dinheiro público em atendimentos hospitalar, e outros, geram a perda de bens materiais, e na maioria das vezes, a perda do bem maior, a "vida". E várias pesquisas mostram que após atuação da Lei Seca, teve uma queda significativa nos números de acidentes que seus condutores tinham ingeridos bebidas alcoólicas, mas que ainda são alarmantes os casos.

Estavam no comando da Operação o Senhor Luciano Lemos (Inspetor da PRF), o senhor Capitão Costa Brito (lei seca), que além de contar com os efetivos de ambas polícias, teve a parceria de funcionários do DETRAN, e do senhor Alexandre Matias, (Secretário da Guarda Municipal de Petrolândia) e os senhores: José Soares (comandante da GM) e Marcelo Fárias (Inspetor da GM), que apoio a operação com a viatura da Guardar Municipal).

Amanhã a operação será no Centro de Petrolândia.

O Senhor Luciano Lemos Inspetor PRF, e o Capitão da Polícia Militar o Senhor Costa Brito contou a nossa redação, que essa mesma operação foi realizada nos dias 12, 13 e 14 (quinta, sexta e sábado) na cidade de Serra Talhada-PE, que no sábado (14.01), minutos após o termino da operação naquele dia, houve um acidente próximo ao local, causado por dois condutores de moto, bêbados, que infelizmente vieram a óbito.  

 Foto: Alexandre Matias

Soares (comandante da GM) e Fárias (Inspetor da GM) 
guardas municipais de Petrolândia, Foto: Alexandre Matias

Soares (comandante da GM), Alexandre Matias (secretário municipal da Secretaria de Segurança cidadã-GM) Foto: Alexandre Matias


 Foto: Alexandre Sertão

Foto: Alexandre Sertão


CONTINUE LENDO

CLICK A BAIXO

⇓⇓⇓⇓⇓⇓⇓⇓⇓⇓⇓






Foto: Alexandre Sertão

Viatura da GM- Foto: Alexandre Sertão

Foto: Alexandre Sertão




DETALHES SOBRE A LEI SECA




Objetivo principal da Lei Seca:

A lei seca instituída em 2008 e modificada e 2013 com o objetivo diminuir os acidentes no transito causado por embriagues. Hoje em dia o consumo excessivo de álcool e direção é são umas das principais causas de morte no mundo. E o Brasil está entre os que mais sofrem com acidentes no transito causados por motoristas imprudentes embriagados, perdendo no Rank apenas para, China, índia, Rússia e EUA.

Como descobrem o motorista Alcoolizado?

O motorista que é abordado pelos agentes de transito e que aparentem sinais de embriaguez é submetido a exame de sangue ou o teste do Bafômetro, pois apenas a palavra dos policiais, provas e testemunhas oculares não surtem efeito legal perante a Lei.

Como funciona o Bafômetro?

O Bafômetro é um aparelho usado para analisar o ar exalado dos pulmões e determinar a concentração de álcool no sangue.
O motorista não é obrigado por lei a fazer o teste do bafômetro, pois a lei diz que ninguém é obrigado a produzir prova contra si mesmo.
Antigamente a lei seca só autuava o motorista que apresentasse sinal concreto de embriagues e o limite de álcool encontrado no corpo não podia passar os 0,5 gramas de álcool por litro de sangue (equivalente a menos de 1 copo de Cerveja mais ou menos).
Hoje a lei é mais rígida e intolerante punindo todos os motoristas que tiverem dirigindo com alcoolizados e o bafômetro marcar 0,05 miligramas de álcool por litro de ar ou mais é considerado uma inflação gravíssima, a multa é de quase R$2 mil e a habilitação suspensa por um ano.
Se a marca passar de 0,35 ou for igual é considerado crime e o motorista pode ser preso, vimos que no começo do ano foi uma loucura só por causa dessa lei que muito acham um absurdo, porém grande parte dos acidentes que acontecem aqui no Brasil são ocazionados por motoristas alcoolizados.
Vamos ter consciência que transito e álcool não se misturam, podemos mudar a nossa maneira de pensar apenas pesquisando na internet alguns dos acidentes que o álcool faz, além de colocar a sua vida em risco você coloca a vida das pessoas que estão no seu carro e ás que estão em sua volta dirigindo também. Festeja e se divirta mais tenha consciência de levar um amigo que não beba ou escolha um para não beber aquele noite para levar a galera embora. Uma escorregada além de poder perder sua habilitação e mais a multa você pode tirar a vida de alguém, consciência no transito é tudo













Redação: Alexandre Sertão
Fotos: Alexandre Sertão/Alexandre Matias
Informações: PRF

Nenhum comentário:

Postar um comentário