PONTO DO BEM

PONTO DO BEM
PETROLÂNDIA-PE

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Governo Bolsonaro quer retomar plano de construir até oito usinas nucleares



Por: AE
Via: Diário de Pernambuco
Publicado em: 22/01/2019 

O Ministério de Minas e Energia (MME) declarou que pretende retomar o plano de construir entre quatro e oito novas usinas nucleares no País. A informação foi confirmada por meio de nota enviada pelo ministério, ao defender a conclusão de Angra 3, no Rio.

"Para o setor nuclear, a conclusão de Angra 3 é importante, pois traz escala a toda a cadeia produtiva do setor, desde a produção de combustível à geração de energia. Isso se torna ainda mais relevante quando se leva em conta que o Brasil vai precisar investir em energia para o futuro, em função do aumento da demanda e do esgotamento do potencial hidrelétrico", declarou o MME. "Por fim, o Plano Nacional de Energia 2030 (PNE 2030) prevê a construção de quatro a oito usinas nucleares no País. Cenário que tende a ser confirmado pelo PNE 2050, publicação aguardada para breve."
Hoje o País conta com apenas duas usinas nucleares em operação, Angra 1 e 2, que respondem por 1,1% da geração nacional de energia. Angra 3 elevaria essa participação para 1,2%.
O plano de expansão de energia por fonte nuclear passou os últimos anos na gaveta, por conta dos desdobramentos do acidente de Fukushima, no Japão, em 2011. O governo da ex-presidente Dilma Rousseff chegou a cogitar a sua retomada, o que não ocorreu. Em 2015, o MME chegou a declarar que já tinha 21 locais no País estudados para receber as plantas e que as análises estavam em andamento.

Em 2011, apesar da localização exata das usinas não estar definida, o MME chegou a declarar que duas plantas deveriam ser construídas no Nordeste e as outras duas no Sudeste, em São Paulo, Minas Gerais ou Rio de Janeiro.
Hoje a lei não permite que a exploração de urânio e geração de energia nuclear sejam realizadas por empresas privadas. Sem alteração na lei, portanto, todos esses projetos teriam de ser viabilizados com recursos públicos, por meio da Eletronuclear, estatal da Eletrobras.
Em todo o mundo, a tendência tem sido a de desativar as usinas nucleares. Reportagem recente publicada pelo Broadcast/Estado mostrou que a energia que será produzida por Angra 3 será a mais cara dentre todas as fontes em operação, segundo estudo do Instituto Escolhas.



Incêndio no INSTITUTO FEDERAL EM PETROLÂNDIA-PE: O prédio está em total abandono

Entrada do Prédio do IF Sertão, campus Floresta em Petrolândia - PE. Foto: Alexandre Sertão (23.01.2019



Blog Sertão News Petrolândia 
Por Alexandre Sertão
Fotos: Alexandre Sertão

O Instituto Federal - IF Sertão, em Petrolândia - PE, no Sertão de Itaparica, está abandono pelo ao menos a dois anos. Tornara-se um ponto de usuários de drogas, prostituição, furtos e vandalismo. 
  • Furtos: Já roubaram portas, janelas, cadeiras, mesas, telhas, peças de encanação, utensílios de banheiros,  tentativa de roubos de ares condicionados (impedido pela Guarda Municipal de Petrolândia);
  • Vandalismos: O prédio está depredado, portas e janelas quebradas, vidros por todos os lugares, paredes riscadas, quadro arrancados, cadeiras quebradas; 
  • Drogas e Prostituição: O local se tornou, um ponto de encontro de usuários de drogas com vários indícios do ato; e vários encontros dito "amorosos" são realizados no local.


O prédio está destelhado em vários pontos; árvores mortas; muito lixo.

No prédio ainda há energia. Quem será que paga a conta?

A nossa redação, esteve hoje (23.01.2019), no prédio, que no dia 19.01 (sábado), passou por um incêndio em uma das salas. "com certeza criminoso", avaliando tudo que lá já aconteceu. Não foi pior, porquê um morador próximo ao local, ligou para os bombeiros, que rapidamente chegaram, e controlaram as chamas, impedindo que todo o prédio fosse incendiado. 

Sãos várias as perguntas:

- Até quando este prédio ficará abandonado?
- O IF campus Floresta-PE, responsável pelo prédio, não tomará providências?
- E a gestão do município, tem tomado alguma providência? Sendo que o prédio e mais 15 hectares, foram doados pelo mesmo ao IF, com a proposta que o Instituto desse oportunidades a profissionais e alunos de Petrolândia e toda região. 

O Blog Sertão News Petrolândia, não vai parar, com a esperança que um dia teremos a oportunidade de realizar uma matéria de form positiva do local. Sendo IF ou não.

sugerimos que o prédio volte para o município, já que IF Sertão, Campus Flores, é totalmente irresponsável, abandonando um patrimônio que é nosso. E quem sabe assim, o município possa quem sabe, fazer dali, novamente uma escola, que pudesse atender os alunos da rede escolar municipal, como antes, funcionava a Escola Municipal Agrícola.

*Breve lançaremos uma matéria exclusiva com um vídeo do incêndio. 

Veja algumas imagens da sala que foi incendiada 
  






__________________




domingo, 20 de janeiro de 2019

Carro capota e deixa um homem ferido neste domingo na PE-425 em Floresta, PE

As causas do acidente são desconhecidas.

Por Redação e fotos do Blog do Elvis
20.01.2019



Uma acidente deixou um homem ferido na tarde deste domingo (20.01) em Floresta, no Sertão de Pernambuco. A fatalidade aconteceu por volta das 17h na PE-425 a cerca de três quilômetros da zona urbana da cidade.

De acordo com informações apuradas pelo Blog do Elvis, viajavam no carro dois homens e uma criança. Todos foram socorridos para o Hospital Coronel Álvaro Ferraz, mas apenas o passageiro ficou ferido. A identificação das vítimas não foi divulgada. O homem chegou a ser transferido para outra unidade de saúde para um melhor acompanhamento do caso.

*As causas do acidente são desconhecidas.



Com pouca sinalização, a PE-425 deveria estar pronta desde 2017. Iniciado o ano de 2019, a obra segue a passos lentos. A população pede por segurança e conclusão da pavimentação tão importante para a região.






_________________





Eclipse com 'superlua' será visível em todo o Brasil; próximo no país será em 2022

Fenômeno será registrado na madrugada de segunda-feira (21.01) e observado em toda a América. Como em todo eclipse lunar total, satélite irá adquirir uma tonalidade avermelhada, a chamada 'lua de sangue'.

Por Carolina Dantas, G1
20/01/2019

Eclipse lunar total registrado em julho de 2018 — Foto: Bay Iismoyo/AFP Photo

Na madrugada da próxima segunda-feira (21.01), o Brasil poderá ver um eclipse lunar total – quando Sol, Terra e Lua se alinham e nosso planeta faz sombra sobre o satélite. O fenômeno será parecido com o que vimos em julho de 2018, mas poderá ser observado por mais tempo em todas as cidades do país.

O eclipse começa à 00h36 (21h36 de Nova York). O fase da umbra – quando a sombra do Sol começa a ser observada na Lua tem início à 01h33 (22h33 de Nova York). Às 03h12, o satélite estará na fase total máxima. A fase parcial segue até às 04h50 (01h50 de Nova York) e tudo termina às 5h48.

Eclipse lunar total será visto em toda a América — Foto: Alexandre Mauro/G1

Diferente de um eclipse solar total – quando o que é "escondido" é o Sol – a observação da versão lunar não exige um óculos de proteção. A visão da Lua é a olho nu. Um binóculo ou uma luneta simples podem ajudar. É mais fácil de assistir em áreas menos iluminadas – campos e praias – e com o horizonte livre.

"Quando o eclipse começar, a Lua vai estar alta. Mas quando a fase total começar, ela já vai estar no lado oeste do céu, e é pra lá que as pessoas precisam olhar", disse Josina Nascimento, pesquisadora do Observatório Nacional.

Eclipse lunar total do dia 21 de janeiro — Foto: Alexandre Mauro e Karina Almeira/G1

Mais próxima

Secretaria Municipal de Serviços Urbanos de Petrolândia - PE: Emite Nota sobre 'coleta de lixo, entulhos e restos de poda de árvores'



Nota de Utilidade Pública

A Prefeitura de Petrolândia por intermédio da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos – SESURB informa à população que estará reforçando a limpeza geral da cidade. O trabalho denominado Cidade Limpa em sua primeira fase fez diversos mutirões de limpezas e campanhas nas quadras da Cidade, agora será iniciada uma nova etapa, na qual, o município continuará buscando melhorar de maneira sustentável a qualidade dos serviços.

O problema da limpeza pública é de todos e o princípio básico é: “Cidade limpa não é a que mais se limpa e sim a que menos se suja”. Não se trata de transferir a responsabilidade, pois a responsabilidade é do conjunto da sociedade. Repito, estamos de maneira contínua buscando melhorar os serviços. Nesse sentido, continuaremos a varrição, a coleta do lixo e dos restos de podas de árvores nos horários programados. Portanto, no caso do lixo, observem os horários das coletas.

Em relação aos restos de podas, faremos a retirada, entretanto o responsável deve procurar a SESURB para programar dia e horário para o referido serviço. Quanto aos entulhos e materiais de construção, não será permitido colocar nas ruas, calçadas, praças e outros logradouros públicos, sendo a guarda e retirada de responsabilidade do proprietário. Entulhos, obrigatoriamente, devem ser descartados no Aterro Sanitário Municipal. Existem diversos transportadores particulares e os interessados podem pegar os contatos com nossos fiscais ou na SESURB.

De nossa parte, estaremos à disposição para acolher reclamações, denúncias, sugestões e tomar as devidas providências em relação à qualidade dos serviços e a eventuais falhas de nossos servidores. Por outro lado, os responsáveis pelo despejo de materiais indevidos ou em horários inadequados nos logradouros públicos, serão constantemente fiscalizados e estarão sujeitos a serem notificados, multados e até encaminhados ao Ministério Público e/ou Poder Judiciário.

Por fim, é necessário que todo o conjunto dos poderes públicos e também da sociedade civil cumpram deveres e acessem os direitos. Acreditamos no engajamento de todos nessa tarefa permanente.

SECRETARIA MUNICIPAL DE SERVIÇOS URBANOS


Informações: Secretaria Municipal de Serviços Urbanos 
20.01.2019








A Prefeitura de Petrolândia - PE emite uma 'Nota de Esclarecimento' sobre operação do Matadouro Público do Município



Nota de Esclarecimento

A respeito de vídeo que circula nas redes sociais com imagens do matadouro público municipal, as Secretarias de Serviços Urbanos e Infraestrutura esclarecem que o empreendimento encontra-se com a reforma em andamento e com prazo de conclusão fixado para o próximo mês de abril. A principal queixa da pessoa que gravou o vídeo decorre da insegurança provocada pelo abate durante a noite. Nesse sentido, o Veterinário responsável, os magarefes e a gestão do matadouro chegaram ao consenso e decidiram que, a partir da próxima terça-feira (22), os abates terão início sempre às 14hs.

Informamos que o nosso matadouro público atende também os municípios de Tacaratu e Jatobá. Embora, o abate esteja ocorrendo de forma precária, é importante atentar que paralisar o abate de animais até a conclusão da reforma, além de prejudicar a população desses 3 municípios e o quantitativo enorme de pessoas que sobrevivem das atividades (criação, abate e comercialização), ainda estaria estimulando o abate clandestino de animais, o que ampliaria e muito os riscos em relação à saúde pública.

Por outro lado, reconhecemos os transtornos causados e pedimos desculpas por isso, entretanto, solicitamos que aguardem por cerca de 90 dias até a finalização da obra e normalização dos serviços. No decorrer desse prazo, estaremos concentrando esforços para minimizar as dificuldades. Alertamos que o problema é antigo, mas, a atual gestão, mesmo diante de tantas dificuldades, está trabalhando a solução e em breve a população dos três municípios contará com um serviço de excelência.

SECRETARIA DE SERVIÇOS URBANOS
SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA


Informações: SECRETARIA DE SERVIÇOS URBANOS



Petrolândia - PE: Obras de abastecimento de 'Água Potável' do Sítio Serrota tem início.


Na manhã de quarta-feira (16.01), a Prefeita Jane Souza acompanhada de Secretários, Vereador,  Assessor e representante da associação de moradores visita obra de abastecimento de água potável da comunidade Serrota.

O projeto está sendo executado pela Compesa, com contrapartida da Prefeitura e vai atender cerca de 150 famílias. 
"Articulamos esse projeto no ano passado através dos Deputados Augusto Coutinho e Alberto Feitosa junto ao Governador Paulo Câmara. Esperamos contar com a parceria da Compesa para atender outras comunidades." Afirma a Prefeita Jane.










_________________________



Lei Seca vai mirar público jovem


Por PE Notícias 


Ao atingir os sete anos de implementação, a Operação Lei Seca se firma como política de saúde pública em Pernambuco e comprova que é possível ir além de uma simples operação de trânsito, pois a estratégia se sustenta como um trabalho de enfrentamento aos acidentes de trânsito capaz de salvar vidas. Depois de ter registrado, em 2018, o menor índice de infrações por alcoolemia da história (0,97%), a Lei Seca abraça agora o desafio de conscientizar o público infanto-juvenil sobre os riscos da mistura que pode ser fatal: álcool e direção. “Um trabalho educativo é capaz de fazer com que crianças e adolescentes atuem como multiplicadores no papel de lembrar aos pais sobre a importância de não dirigir ao beber”, salienta o coordenador da Operação Lei Seca em Pernambuco, Fábio Bagetti.

Ele destaca que quatro equipes educativas, compostas por pessoas com deficiência, cadeirantes ou muletantes, e dois auxiliares, que ajudam na entrega de panfletos e folders educativos, realizam atualmente ações em bares e pontos de aglomeração, como forma de evitar que os motoristas dirijam após o consumo de álcool. “Mas também são feitas intervenções em escolas públicas e privadas, praias e parques para orientar sobre a importância da mudança de comportamento dos condutores sobre o hábito de beber e dirigir.” O depoimento de Bagetti reforça o compromisso que a Operação Lei Seca tem de conscientizar (também) as futuras gerações de motoristas – uma estratégia que pode acrescentar à fiscalização um cunho de grande alcance social. Ao se comunicar com uma faixa etária que, em breve, entra nas estatísticas de condutores, a Lei Seca fortalece a função que tem de garantir que o comportamento dos pernambucanos diante da direção seja, cada vez, mais consciente num trânsito mais seguro.

QUEDA

Durante o ano passado, mais de 440 mil pessoas foram paradas nas blitzes em Pernambuco – aumento de 75,6% na comparação com 2012, quando foram 251 mil abordagens. Por outro lado, as notificações por alcoolemia (condição em que se constata consumo de bebida alcoólica, crimes de trânsito ou recusa ao teste do bafômetro) caíram pela metade no Estado, com 4,3 mil no ano passado (944 constatações do uso de álcool, 105 crimes e 3,2 mil recusas ao teste do bafômetro), contra mais de 8,6 mil em 2012.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES), que comanda as fiscalizações desde dezembro de 2011, alerta que motoristas e condutores devem ficar atentos às blitzes neste período de verão, férias escolares e prévias carnavalescas, quando a movimentação para o litoral e interior do Estado é mais intensa. Pontos estão sendo reforçados e montados diariamente nas principais vias pelos nove grupos de fiscalização. No Carnaval, a previsão é ter um aumento de 20% nas equipes da Lei Seca. 
  • 3,4% foi o índice de multas por alcoolemia entre os condutores abordados (251.139) em 2012. Em 2018, caiu para 0,97%;

  • 0.97% é a taxa de multas por alcoolemia do total de condutores abordados (441.115) no ano passado;

  • 3.259 condutores receberam multa por alcoolemia, no ano passado, por terem se recusado a fazer o teste do bafômetro.




No centro de Petrolândia - PE
CLICK NA IMAGEM E VEJA DETALHES 

CHAPÉU DE PALHA EM PETROLÂNDIA - PE: Chapéu de Palha 2019 tem início com cadastramento em municípios do Sertão, em Petrolândia será nos dia 13 e 14 de Fevereiro de 2019 [veja detalhes]

Por PE Notícias 
20.01.2019

O Programa Chapéu de Palha 2019 começa, na segunda-feira (21.01), com o cadastramento dos trabalhadores da Fruticultura Irrigada e da Pesca Artesanal de sete municípios do vale do São Francisco (Petrolina, Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista, Belém do São Francisco, Cabrobó, Orocó e Petrolândia). O segmento da Fruticultura Irrigada concentra a maior parte dos cadastros desta primeira etapa do Chapéu de Palha. A estimativa é de que sejam cadastradas aproximadamente 9.500 trabalhadores e trabalhadoras rurais, sendo a maioria deles em Petrolina onde se concentra o maior polo de cadastramento do Chapéu de Palha, localizado no Centro de Convenções da cidade. O cadastramento dos demais municípios da Pesca, que não estão na região do Vale do São Francisco, ocorrerá em meados de Abril juntamente com o cadastramento dos trabalhadores que atuam no corte da palha da cana-de-açúcar.



Para participar do Programa, que é coordenado pela Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), os trabalhadores devem cumprir os seguintes requisitos: ser trabalhador(a) rural da fruticultura irrigada, auxiliar de câmara fria e de casa de embalagem, embalador(a) ou tratorista no último contrato, com comprovação em Carteira de Trabalho e possuir o termo de rescisão contratual; ser maior de 18 anos; ter trabalhado com registro em carteira pelo período mínimo de 30 dias corridos no período correspondente à safra do ano anterior; não possuir vínculo empregatício em Carteira de Trabalho no ato do cadastramento; e Ser morador de um dos sete municípios pernambucanos contemplados – não sendo admitidos trabalhadores(as) que residam em outras cidades. No caso da Pesca, o trabalhador precisa ser pescador(a) artesanal comprovado pelo Registro Geral da Pesca (RGP) da Secretaria de Aquicultura e Pesca e ser maior de 18 anos.


sábado, 19 de janeiro de 2019

Fernando Haddad questiona patrimônio imobiliário da família de Bolsonaro

'A thread do escândalo Bolsonaro deveria começar com essa esquecida reportagem', disse Haddad, sobre matéria publicada em jornal

Diário de Pernambuco 
19.01.2019


Foto: Daniel Ramalho/AFP

Candidato à Presidência nas últimas eleições, o petista Fernando Haddad usou sua conta no Twitter, neste sábado (19.01), para questionar o patrimônio imobiliário da família do atual presidente, Jair Bolsonaro. "Afinal, como um deputado amealhou um patrimônio imobiliário de R$ 15 milhões, sem aprovar um único projeto relevante? Qual a real função da sua assessoria?", disse Haddad na postagem junto ao link de uma reportagem do jornal Folha de S. Paulo. 

A matéria utilizada como base para o comentário do petista foi publicada em janeiro do ano passado e mostra que Bolsonaro, até então deputado federal pelo PSL-RJ, e seus três filhos que exerciam mandatos são donos de 13 imóveis com preço de mercado de pelo menos R$ 15 milhões, a maioria em pontos altamente valorizados do Rio de Janeiro, como Copacabana, Barra da Tijuca e Urca. "A thread do escândalo Bolsonaro deveria começar com essa esquecida reportagem", disse Haddad hoje.
Fernando Haddad A Thread do escândalo Bolsonaro deveria começar com essa esquecida reportagem. Afinal, como um deputado amealhou um patrimônio imobiliário de R$15mi, sem aprovar um único projeto relevante? Qual a real função da sua assessoria? https://goo.gl/bq6iKs 
13,7 mil
07:27 - 19 de jan de 2019



Briga em velório deixa dois mortos; delegado é denunciado por agressão

Uma das vítimas, Wemerson de Araújo, estava na rede com o filho quando foi atingida por um golpe de faca e, em seguida, de enxada

Por Notícias ao Minuto 
19.01.2019

© Shannon Stapleton/Reuters

Uma confusão durante um velório terminou na morte de um jovem e um adolescente, de 18 e 17 anos, respectivamente. Uma das vítimas, Wemerson de Araújo, estava na rede com o filho quando foi atingida por um golpe de faca e, em seguida, de enxada. O crime foi cometido na Vila do Incra, em Porto Acre. O segundo rapaz também foi esfaqueado.

“Eles estavam em um velório e começou uma briga por causa de uma mulher lá. E nessa briga meu filho não estava, ele estava deitado nesse velório dentro de uma rede com o bebê dele dormindo. Ele acordou com a primeira facada, saiu da rede e correu, no que correu, deram uma enxadada na cabeça dele e ele já caiu na rua”, conta a mãe de Araújo, Maria Helena.

À esquerda, Wemerson de Araújo, de 18 anos, e Wenderson Sores, à direita

Ainda de acordo com ela, o filho teve a cabeça arrancada por um dos golpes de facão. Um outro adolescente, de 17 anos, também foi esfaqueado e levado ao pronto-socorro. Até o momento, três pessoas foram presas suspeitas de cometer o duplo homicídio. Um boletim de ocorrência foi registrado. O autor das facadas teria sido liberado, segundo a família das vítimas.
“O assassino saiu pela porta da frente. Fui falar com o delegado e ele mandou todo mundo calar a boca, se não ia matar a todos. Fomos na delegacia para pegar o documento e levar no IML. O cara mata e sai pela porta da frente. Como colocam um delegado desse? Que judia do pai da vítima. Secretário de Segurança, nós precisamos de respeito. Não somos vagabundos e o delegado precisa respeitar a nossa dor”, desabafou a mãe.
Delegado é denunciado

Quando a família questionou o delegado sobre a soltura do suspeito do crime, o agente começou a agredir e ameaçar os parentes. “Empurraram e bateram no meu outro filho. Dois policiais também colocaram a arma em cima da gente, sendo que só queremos os nossos direitos. Não fizemos nada de errado”, completa Soares.





Investigação sobre Queiroz apura lavagem de dinheiro

O jornal O Estado de S. Paulo teve acesso aos autos do procedimento de investigação criminal, que está sob sigilo

Por Estadão
Via: Notícias ao Minuto
19.01.2019

© Reprodução / Instagram / Flávio Bolsonaro

A investigação sobre a movimentação financeira de Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro (PSL), foi iniciada há seis meses e tem como foco de apuração a suspeita de prática de lavagem de dinheiro ou "ocultação de bens, direitos e valores" no gabinete do deputado estadual - atualmente senador eleito - na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). O jornal O Estado de S. Paulo teve acesso aos autos do procedimento de investigação criminal, que está sob sigilo.

A base deste e de outros 21 procedimentos criminais abertos no Legislativo fluminense é um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), que apontou movimentação atípica de funcionários e ex-funcionários da Alerj.

+NEWS: 



O documento foi produzido por técnicos do Coaf há um ano, em janeiro de 2018, e anexado aos autos da Operação Furna da Onça - que em novembro do ano passado prendeu dez deputados estaduais do Rio suspeitos de receberem propina. O relatório mostrou que Queiroz movimentou R$ 1,2 milhão de janeiro de 2016 a janeiro de 2017, como revelou o jornal O Estado de S. Paulo.

Ontem, o Jornal Nacional, da TV Globo, teve acesso a outro relatório do Coaf, que mostra movimentações bancárias suspeitas do próprio Flávio Bolsonaro, filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o documento, entre junho e julho de 2017, Flávio Bolsonaro recebeu 48 depósitos em espécie em sua conta, concentrados no autoatendimento da agência bancária que fica dentro da Alerj, e sempre no mesmo valor: R$ 2 mil. No total, foram R$ 96 mil, depositados em cinco dias.

Anteontem, o vice-presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Luiz Fux, atendeu a um pedido de Flávio Bolsonaro e determinou a suspensão da investigação. O relator do caso, Marco Aurélio Mello, vai analisar a reclamação de Flávio Bolsonaro. Ontem, o ministro indicou que vai negar o pedido após o fim do recesso do Judiciário.




Coaf aponta pagamento de título de R$ 1 milhão por Flávio Bolsonaro

Obtido pelo “Jornal Nacional”, da Globo, novo trecho do relatório do Coaf mostra o pagamento sem indicação de favorecido

Por Jornal Nacional
Via: Notícias ao Minuto
19.01.2019

© Alerj

Um novo trecho do relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) acerca das movimentações financeiras atípicas do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) mostra um pagamento de um título bancário da Caixa Econômica Federal no valor de R$ 1.016.839, sem indicação do favorecido. O documento foi obtido pelo “Jornal Nacional”, da TV Globo”.

Segundo o JN, o Coaf também não conseguiu identificar a data e nenhum outro detalhe sobre o pagamento.

Além disso, o relatório cita que Flávio tem operações financeiras muito semelhantes com as realizadas por Fabrício Queiroz, ex-assessor do filho do presidente da República. Os dois relatórios têm em comum depósitos e saques feitos em caixas de autoatendimento dentro da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), operações feitas em espécie e valores fracionados.

As análises nas operações bancárias de Flávio Bolsonaro foram um desdobramento do primeiro relatório do Coaf, que indicavam as movimentações de Fabrício Queiroz.

Fora o pagamento do título bancário, o novo documento do Coaf encontrou 48 depósitos na conta do então deputado estadual, totalizando R$ 96 mil em cinco datas.

O Coaf não conseguiu identificar os autores dos depósitos e disse que o fato de serem valores fracionados desperta a suspeita de ocultação da origem do dinheiro, de acordo com base na circular do Banco Central que trata de lavagem de dinheiro: “a realização de operações que por habitualidade, valor e forma configuram artifício para burlar a identificação dos responsáveis e dos beneficiários finais”, diz a circular.

O MP-RJ suspeita que os funcionários da Alerj devolviam parte dos salários e solicitou ao Coaf a ampliação do levantamento.

Na quinta-feira (17.01), Flávio Bolsonaro recorreu ao STF, alegando foro privilegiado, e conseguiu a suspensão temporária da investigação contra Queiroz. O filho do presidente da República disse que o Ministério Público do Rio o investigava de maneira irregular.

O Concelho Municipal de Turismo de Petrolândia - PE (CONTUR) lança Carta Aberta aos Empreendedores de Petrolândia

Foto: Alexandre Sertão


Carta Aberta aos Empreendedores de Petrolândia

O turismo é um fenômeno que alia emprego, renda e qualidade de vida. Depende de esforço do município, do estado, do governo federal e, sobretudo, da sociedade civil. Em 2019 seremos um dos principais destinos do Sertão. E, você empreendedor, precisa decidir se quer participar ou apenas assistir esse grandioso momento. Temos um diagnóstico e um plano de ação do turismo para o ano de 2019. Entre as várias ações programadas, queremos chamar a sua atenção para a parceria entre a Prefeitura, Sebrae e Senac que trouxe a Unidade Móvel de Turismo e Hospitalidade (carreta do Senac) para Petrolândia com previsão de ficar até o próximo dia 31 de março.

Infelizmente não houve o interesse dos proprietários de bares e restaurantes na inscrição de funcionários para fazerem cursos de culinária e de garçons. Lembrando que com a contrapartida da Prefeitura e do Senac esses cursos tem os valores reduzidos. Os cursos de Senac são reconhecidos em todo o território nacional. Ainda há tempo. Estão disponibilizados os seguintes produtos:

Elaboração de roteiros turísticos – 30h
Congelamento de alimentos – 20h
Preparação de doces e compotas – 15h
Minechefs – 15h
Gestão de bares e restaurantes – 30h
Culinária a base de peixe e frutos do mar – 15h

Diante da problemática da não formação das turmas, estamos com dificuldades em manter a carreta do SENAC em nosso município. E para que isso não aconteça solicitamos a colaboração de todos de forma a se empenharem em capacitar-se para oferecer um serviço cada vez melhor aos seus clientes. Uma vez que nosso município está com grande visibilidade na mídia e com investimentos concretos em andamento, tais como: Parques aquáticos, chalés, empresas de agenciamento entre outros. Lembramos que esses cursos sempre são cobrados por proprietários de restaurantes, bares, lanchonetes, pousadas, hotéis entre outros, entretanto, não entendemos a não valorização dos mesmos. 

Nesse sentido o Conselho Municipal de Turismo de Petrolândia faz mais esse apelo para que a sociedade e, sobretudo, quem acredita no turismo procure a Sala do Empreendedor para efetivar sua inscrição.

Petrolândia, 18 de janeiro de 2019.

MEMBROS DO CONSELHO MUNICIPAL DE TURISMO

Informações: Presidente do Conselho Josenilda Marques da Silva
19.01.2019

Sobe para 399 número de presos por ataques no Ceará

Subiu para 399 o número de pessoas presas ou apreendidas por suspeita de participação na onda de ataques no Ceará desde o dia 2 de janeiro, segundo balanço da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do estado divulgado hoje (19.01).


Fonte: Agência Brasil 
Por Ana Cristina Campos
Edição: Nádia Franco
19.01.2019

Ordem para ataques teria partido de dentro dos presídios - Reuters/Paulo Whitaker/Direitos Reservados

Desde o início da onda de violência, que atinge municípios em todo o estado, suspeita-se que a ordem para os ataques parta de presídios onde estão líderes de facções criminosas.

Na madrugada deste sábado, décimo oitavo dia de ataques, criminosos provocaram uma explosão em uma ponte em Fortaleza. Ontem (18.01), três homens foram presos após incendiar um ônibus na capital.

As ações de facções criminosas deixaram em alerta todo o estado. Prédios públicos, viadutos, estradas, ônibus e locais com veículos foram incendiados ou atingidos de alguma forma pelos grupos.

Convocados pelo governo do Ceará para reforçar a segurança pública, 800 dos cerca de 1.200 policiais militares da reserva apresentaram-se à corporação, em Fortaleza, na manhã desta sexta-feira. E 150 já voltaram a patrulhar as ruas da capital do estado, alvo de ataques criminosos organizados.

Na quinta-feira (17), o governador do Ceará, Camilo Santana, pediu ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, o reforço do apoio dado pelo governo federal no combate aos ataques promovidos por facções. Homens da Força Nacional de Segurança Pública reforçam as ações de seurança no Ceará desde o início deste mês.

A ofensiva teria começado em reação à nomeação do secretário de Administração Penitenciária, Luís Mauro Albuquerque, e às medidas anunciadas como a não separação de presos em presídios por facção.





O que muda com a MP de combate a fraudes previdenciárias

Wilson Dias/Agência Brasil

A Medida Provisória de combate a fraudes em benefícios previdenciários, assinada ontem (18.01) pelo presidente Jair Bolsonaro, pode gerar uma economia de até R$ 9,8 bilhões aos cofres públicos no primeiro ano de vigência. O texto, que será publicado em edição extra do Diário Oficial da União nesta sexta-feira (18), altera regras de concessão de auxílio-reclusão, pensão por morte e aposentadoria rural.

A medida prevê a revisão de mais de 5,5 milhões de benefícios concedidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Parte desse montante está pendente de análise por suspeita de irregularidade. Para analisar os processos com rapidez, o governo vai instituir gratificação a servidores e peritos médicos, além de criar uma carreira de perícia médica federal.

Auxílio-reclusão

O benefício, que é pago a dependentes de presos, como filhos, enteados, cônjuges, pais e irmãos, passará a ter carência de 24 contribuições para ser requerido. Atualmente, basta que o segurado tenha feito uma única contribuição ao INSS, antes de ser preso, para que o benefício possa ser concedido aos dependentes. Além disso, o benefício só será concedido a dependentes de presos em regime fechado, e não mais no semiaberto, como ocorre hoje. Pela MP, a comprovação de baixa renda levará em conta a média dos 12 últimos salários do segurado e não apenas a do último mês antes da prisão, o que deve alterar o valor do benefício pago. Será proibida ainda a acumulação do auxílio-reclusão com outros benefícios.

O INSS deverá celebrar convênios com órgãos responsáveis pelo sistema penitenciário. A ideia é evitar a concessão indevida de auxílio-reclusão a pessoas fictícias ou a quem não esteja cumprindo pena.

Pensão por morte

A MP passa a exigir prova documental para a comprovação de relações de união estável ou de dependência econômica, que dão direito à pensão por morte. Atualmente, a Justiça reconhece relações desse tipo com base apenas em prova testemunhal. Para o recebimento desde a data do óbito, filhos menores de 16 anos precisarão requerer o benefício em até 180 dias após o falecimento do segurado. Pela regra em vigor, esse prazo não existe para fins de retroatividade envolvendo menores de 16 anos.

A MP acaba com pagamentos em duplicidade, nos casos em que a Justiça reconheça um novo dependente, como filho ou cônjuge. Pela legislação atual, se uma relação de dependência é reconhecida, esse novo dependente recebe o benefício de forma retroativa, sem que haja desconto ou devolução de valores por parte dos demais beneficiários. A partir de agora, assim que a ação judicial de reconhecimento de paternidade ou condição de companheiro for ajuizada, parte do benefício ficará retida até o julgamento final da ação, de modo a cobrir a eventual despesa do INSS com pagamentos em duplicidade. Esses ajustes valerão também para o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) da União.

Click na imagem e veja detalhes 

Aposentadoria rural


Inscrições para o Sisu 2019 iniciam terça (22.01.2019)

Além de concorrer às vagas do Sisu, os participantes do Enem poderão disputar bolsas em instituições privadas pelo ProUni ou Fies

Com as notas do Enem 2018 em mãos, os estudantes poderão se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2019 de 22 a 25 de janeiro, conforme edital divulgado pelo Ministério da Educação (MEC). O programa oferece vagas em universidades públicas. O número total de vagas, bem como o número de instituições que participarão do programa ainda serão divulgados.

Podem concorrer às vagas do Sisu os estudantes que tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 e obtido nota acima de zero na prova de redação. Além disso, os candidatos poderão se inscrever no processo seletivo em até duas opções de vaga, especificando, em ordem de preferência, as suas opções em instituição de educação superior participante, com local de oferta, curso e turno, e a modalidade de concorrência.

O resultado será divulgado dia 28 e o candidato terá do dia 30 de janeiro ao dia 4 de fevereiro para realizar a matrícula nas instituições. Quem não for selecionado na primeira chamada poderá se inscrever para a lista de espera do dia 28 ao dia 4.



Prouni e Fies

Além de concorrer às vagas do Sisu, os participantes do Enem poderão concorrer a bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

O Prouni, que permite estudar com bolsas de até 100% em instituições privadas do país, receberá inscrições do dia 29 de janeiro a 1º de fevereiro. A primeira chamada será divulgada no dia 4 de fevereiro e a segunda, no dia 18. Caso não seja selecionado nas duas chamadas, o candidato pode se inscrever na lista de espera entre os dias 7 e 8 de março.

Podem participar do Prouni candidatos que não tenham diploma de ensino superior e que atendam a, pelo menos, uma das condições: ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada com bolsa, ser pessoa com deficiência ou ser professor da rede pública.

O estudante também poderá se candidatar ao Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) entre os dias 5 e 12 de fevereiro. Os resultados serão divulgados a partir do dia 18 de fevereiro e a lista de espera estará aberta do dia 20 de fevereiro a 31 de março. O Fies permite ao estudante financiar as mensalidades do seu curso em instituições privadas.


Fonte: Agência Brasil e Folhapress
19.01.2019

VIA:
Portal O Dia